e-SicFacebookYoutube
-

Notícias

SAAE troca redes antigas e aumenta eficiência no abastecimento

Material mais resistente e em local apropriado vai evitar transtornos aos moradores e transeuntes

15/05/2018

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Baixo Guandu está fazendo um trabalho inédito para a melhoria no abastecimento de água da cidade. Há 04 meses, a autarquia municipal começou a instalar novas conexões, trocando as antigas redes de amianto e ferro por tubos de FOFO e PBA, muito mais resistentes. O trabalho foi iniciado na rua D. Pedro I, no bairro Sapucaia, e está se expandindo para outras ruas do centro e adjacências. 
 
Além da eliminação da antiga estrutura de abastecimento, o SAAE está fazendo a setorização das novas redes, o que irá facilitar o conserto e a manutenção dos condutores de água, que, agora, ficarão à margem da rua e a uma altura bem menor que as antigas instalações subterrâneas, como explica o encarregado de seção de elevatórias do SAAE de Baixo Guandu, Reginaldo Rodrigues Ferreira. “Essa setorização faz com que, na manutenção da rede, a gente não precise interromper o abastecimento de água em todo um bairro, mas apenas naquela rua onde o trabalho estiver sendo feito; ao invés de um bairro inteiro, apenas algumas casas terão o abastecimento interrompido por causa da obra”.
 
Outro aspecto positivo é que essa nova estrutura afasta o encanamento do centro da rua para a sua lateral, e com uma profundidade bem menor que a das antigas redes, que chegavam a mais de 04 metros de profundidade. “Não vamos precisar mais de retroescavadeira para rasgar a rua de lado a lado para consertar a tubulação ou fazer novas ligações, causando transtorno para quem passa e mora no local. Além disso, as tubulações ficarão, no máximo, a 60 centímetros abaixo do piso, o que faz com que a gente não precise escavar tanto; até os vazamentos vão diminuir, já que os carros não vão fazer tanta pressão sobre a rede na lateral da rua”, diz Reginaldo Ferreira.  
 
Ferrugem
Segundo o SAAE, uma antiga reclamação dos moradores de Baixo Guandu dizia respeito à incidência de pó de ferro na água, sobretudo quando o abastecimento era interrompido por alguma razão. “Devido à antiga rede de encanamentos de ferro, às vezes, os moradores percebiam um vestígio ferruginoso na água, quando o abastecimento era normalizado. Agora, com o novo material usado na rede, isso não vai mais acontecer”, conta o encarregado.
 
Em recente entrevista à imprensa, o diretor do SAAE de Baixo Guandu, Luciano de Bem Magalhães, revelou o novo planejamento da autarquia municipal visando a melhoria do serviço à população a partir de todos os setores da empresa. Na ocasião, Magalhães foi enfático ao dizer que não seria possível o município ter evoluído significativamente, social e economicamente, nos últimos cinco anos, sem que o SAAE acompanhasse essa evolução, prestando um serviço de melhor qualidade aos seus usuários.
 

ES

BrasãoRua: Francisco Ferreira, n°40 Bairro: Centro CEP: 29730 – 000
Tel.: (27) 3732 – 8900 | Fax: (27) 3732 – 8900
CNPJ: 27.165.737/0001-10

Desenvolvido por DesignMaster Agência Digital