Skip to content Skip to left sidebar Skip to footer

Distrito do KM 14 recebe Ordem de Serviço para desassoreamento do rio Mutum e implantação de telefonia celular

Está marcado para as 15 horas de amanhã, sexta-feira (17/11), nas dependências da escola Elza Ewald, a solenidade de ordem de serviço para o desassoreamento do rio Mutum nas proximidades da sede do KM 14, um problema grave que está afetando o distrito e causando grande preocupação na população local.
 
Também amanhã, o distrito do KM 14 recebe outro grande benefício: o início das obras de instalação da torre de telefonia celular da operadora Vivo, que deverá entrar em operação antes do final de 2017.
 
Estes dois benefícios para a comunidade do KM 14 são resultado de ações conjuntas desenvolvidas pela Prefeitura de Baixo Guandu com total apoio do deputado Dary Pagung, que intermediou a vinda de secretários do Governo do Estado para analisar especialmente a questão do desassoreamento do rio Mutum.
 
Desde maio deste ano, técnicos da Prefeitura e do Estado, em reuniões com a comunidade do KM 14, estão analisando a melhor forma de socorrer emergencialmente o distrito do KM 14 no que diz respeito ao assoreamento do rio Mutum.
 
Um grande estudo técnico envolvendo órgãos das Secretarias Estadual de Meio Ambiente e Agricultura foi realizado e agora será dada a ordem de serviço para o desassoreamento emergencial.

O serviço será executado por uma empresa da área de granito que tinha um passivo ambiental a ser cumprido junto à Secretaria de Meio Ambiente, com supervisão direta da Prefeitura de Baixo Guandu.
 

Será feita a dragagem do rio Mutum numa extensão de 3,6 quilômetros, com 2 metros de largura por 1 metro de profundidade.

O acerto do passivo ambiental com a empresa de mineração prevê ainda que nos anos de 2018 e 2019 o serviço terá manutenção, ou seja, a drenagem será refeita.
 

O deputado Dary Pagung salientou que desde o ano passado, em reuniões com o prefeito Neto Barros e técnicos da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural, já vinham sendo analisadas as possibilidades de fazer o desassoreamento do rio Mutum.
 
“Finalmente conseguimos esta obra importante e o prefeito em exercício Eloy Avelino, que também participou das negociações, estará presente conosco amanhã no KM 14 para dar a Ordem de Serviço”, falou Dary. Também vai estar presidente o secretário estadual de Meio Ambiente, Aladim Cerqueira.
 
O deputado guanduense lembrou que ao KM 14 já foi levado este ano o projeto Reflorestar, do Governo do Estado, essencial para resolver o problema do rio Mutum a longo prazo. O desassoreamento feito agora é uma medida emergencial, e somente o reflorestamento das margens do rio, com construção de caixas secas e outras atitudes na área ambiental, poderão resolver em definitivo o assoreamento do rio Mutum.
 
Uma comissão foi formada no distrito do KM 14 para acompanhar todo este processo, formada pelos vereadores Sebastião Batata e Valmir Mota, a presidente da associação de produtores locais Arlene Milani, a enfermeira Cleia Ramos e do ex-deputado Jório de Barros, que possui propriedade rural na região do distrito.

Telefonia

Sobre a instalação da torre de celular da operadora Vivo, esta era outra grande reivindicação dos moradores do distrito do KM 14. Ontem e hoje estão sendo feitos os serviços de preparação e nivelamento do terreno que vai receber a antena e até o final de dezembro os moradores locais vão finalmente se conectar ao mundo por telefonia móvel.
 
O prefeito em exercício Eloy Avelino, que estará amanhã no distrito do KM 14, explicou que tanto o desassoreamento do rio Mutum quando a chegada da telefonia móvel ao distrito são resultado de uma grande preocupação da atual administração.
 
“A população está preocupada com razão com o assoreamento do rio Mutum, que sai da calha nas chuvas e traz sérios transtornos. A medida emergencial é o desassoreamento e estaremos dando a Ordem de Serviço amanhã. Já o telefone celular é essencial para o desenvolvimento do KM 14”, disse Eloy Avelino, que agradeceu ainda o apoio do deputado Dary Pagung e a determinação do prefeito Neto Barros em atender ao distrito do KM 14.

 

0 Comments

There are no comments yet

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish
Skip to content