Skip to content Skip to left sidebar Skip to footer

Público vibrou com atrações do Rock In Doce, o grito guanduense contra a tragédia da Samarco

Um público excelente prestigiou a 4ª edição do Rock In Doce, que a Prefeitura de Baixo Guandu realiza anualmente para lembrar a tragédia da Samarco, ocorrida em 2015, quando milhões de toneladas de material tóxico foram lançados no rio Doce, constituindo-se na maior tragédia ambiental do país.
 
“Este é nosso grito, esta é a nossa luta para que a tragédia da Samarco nunca seja esquecida”, explicou o prefeito Neto Barros, que agradeceu ao grande público presente de toda a região e espera que a capacidade de indignação da população continue, lutando pelos seus direitos de atingida pelo crime ambiental.
 
E atrações não faltaram para agitar o público no Rock In Doce, realizado na Praça do jardim com entrada franca. No dia 15, feriado nacional, se apresentaram a Banda local Notícias de Ontem, Sandrera e banda, com participação do Sylvio Passos, fazendo o show Raulzera (homenagem a Raul Seixas)e fechando a noite, a banda Dead Fish, uma atração nacional esperada que agradou em cheio.
 
No sábado, mais Rock In Doce, primeiro com a atração local, banda CrossPhoenix e depois presença de duas bandas muito conhecidas do público capixaba: Rastaclone e Casaca. O que se viu foi muita animação nesta festa de tributo ao rio Doce.
 
A organização ficou a cargo da Secretaria Municipal de Cultura, que caprichou em cada detalhe para que tudo transcorresse como manda o figurino. Som, palco, iluminação, horários, um show de qualidade para uma festa que agradou em cheio.

Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish
Skip to content