Skip to content Skip to left sidebar Skip to footer

Educação

Resposta de Recursos – Edital n.º 005/2021 da Secretaria Municipal de Educação

A Comissão Especial do Processo Seletivo Simplificado da Secretaria Municipal de Educação de Baixo Guandu/ES, no uso de suas atribuições legais torna público o prazo de Resposta de Recursos previsto no cronograma do EDITAL N.º 005/2021 – PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO para as funções de Educador Especialista Pedagógico e Educador da Educação Básica.

0 impresso de resposta ao recurso poderá ser retirado pelo (a) candidato (a) na recepção da Secretaria Municipal de Educação – SEMED, no dia 18 de janeiro de 2022, das 7h às 16h.

Alunos de Baixo Guandu ganham 14 medalhas na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

O prefeito municipal de Baixo Guandu, Lastênio Cardoso e a Secretária Municipal de Educação, Kelly Christina Damasceno Gama, participaram na manhã desta segunda-feira (06) da cerimônia de entrega das medalhas aos 14 estudantes da rede municipal de ensino que atingiram as melhores classificações na 24.ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) de 2021. A cerimônia aconteceu no auditório da prefeitura e teve a presença de gestores da Secretaria de Educação e representantes da comunidade escolar de cada unidade educacional premiada e dos pais dos alunos.

A OBA e a Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG) são Olimpíadas Científicas, realizadas anualmente, em todo o Brasil, pela Agência Espacial Brasileira (AEB) em conjunto com a Sociedade Astronômica Brasileira (SAB), envolvendo alunos de escolas públicas e privadas, do Ensino Fundamental e Médio, com recursos principalmente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, órgão vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), e também com patrocínio da Universidade Paulista (Unip).

A 24.ª edição teve a participação de 481.525 alunos, sendo que, 55.192 de 9.085 escolas de todos os estados e uma do Japão, receberam medalhas de ouro, prata e bronze pela participação. Ao todo 143 alunos da rede municipal de ensino de Baixo Guandu participaram da olimpíada e 14 foram premiados com medalhas de ouro, prata e bronze.

Acompanhe a relação dos alunos que se destacaram na 24.ª OBA:

Escola Benevenuto Clementino Gobbo:
Gabriel Schmidt Sperandio – Aluno (a) do 6º ano – (Ouro)
Guilherme Santos de Oliveira – Aluno (a) do 6º ano – (Ouro)
Thálita Sperandio Cot – Aluno (a) do 8º ano – (Ouro)
Samuel Alves Pereira – Aluno (a) do 9º ano – (Ouro)
Júlio Cézar de Zan Bicalho – Aluno (a) do 6º ano – (Prata)
Lucas Lordes Madeira – Aluno (a) do 9º ano – (Prata)
Maria Luísa Silverio Agostinho – Aluno (a) do 9º ano – (Prata)
Emanoel Teles de Oliveira – Aluno (a) do 8º ano – (Prata)
Gabriel Felipe Gonçalves Cardoso – Aluno (a) do 6º ano – (Prata)
Maria Eduarda Salomão – Aluno (a) do 6º ano – (Bronze)
Hemily de Almeida Izidorio – Aluno (a) do 9º ano – (Bronze)
Júlia Rodrigues Felix – Aluno (a) do 9º ano – (Bronze)
Larissa Victória Costa Eccher – Aluno (a) do 8º ano – (Bronze)

Escola João Júlio Cardoso
Maria Elisa Correia Dornelas – Aluno (a) do 7º ano – (Prata)

Polo UAB de Baixo Guandu vai receber cursos do UniversidadES

O Polo de Ensino a Distância (UAB) de Baixo Guandu irá receber em 2022 cursos de graduação e pós-graduação das instituições de ensino que firmaram parceria com o Sistema Universidade do Espírito Santo (UniversidadES). O programa de fomento à educação foi lançado durante o evento com o Governador do Estado Renato Casagrande e coordenadores dos 34 polos na manhã desta quinta-feira (11), no Palácio Anchieta, em Vitória/ES.

Ao todo serão disponibilizadas, a princípio, 500 vagas para graduação e 500 vagas para pós-graduação em áreas como ciências, tecnologia, engenharia, artes e matemática de forma EAD para os 34 polos da Universidade Aberta do Brasil no Espírito Santo. A oferta de vagas será feita por meio das instituições de ensino Universidade Virtual do Estado de São Paulo (UNIVESP), Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e Instituto Federal do Espírito Santo IFES, que firmaram parceria com o governo do Estado.

As 500 vagas para pós-graduação serão anunciadas no mês de dezembro, para início do curso no primeiro semestre letivo de 2022, através de processo seletivo próprio. Já as 500 vagas para graduação serão anunciadas em abril do ano que vem, para início do curso no segundo semestre. A seleção, como ocorre com o Nossa Bolsa, será feita com base nas notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

“O Polo UAB de Baixo Guandu está estruturado e de portas abertas para receber a oferta de vagas dos cursos de graduação e pós-graduação, que certamente irão beneficiar os guanduenses e estudantes de cidades vizinhas”, pontuou o Coordenador do Polo de Baixo Guandu, Marcio Guilherme Wagner Marques.

Governado do Estado Renato Casagrande e o Coordenador do Polo UAB de Baixo Guandu, Marcio Guilherme Wagner Marques. Foto Reprodução

30.ª Convocação de candidato do edital n.º 001/2021 – Secretaria Municipal de Educação

Faço Público, em atendimento ao Edital n.º 001/2021 – Processo Seletivo Simplificado, que foram convocados através de ligação telefônica os candidatos abaixo relacionados a se apresentarem na SEMED – Secretaria Municipal de Educação de Baixo Guandu, ES, no dia 03 de Novembro de 2021, para atenderem à vaga de acordo com a demanda atual.

Conforme o Edital, Item 10.3. O não comparecimento do candidato no momento da chamada conforme a classificação implicará em sua RECLASSIFICAÇÃO.

Projeto de Contação de histórias mostra como “a leitura é transformadora”

As secretarias municipais de Cultura e Educação iniciaram essa semana o projeto “Contação de Histórias” em comemoração ao Dia Nacional do Livro com alunos da Educação Infantil Municipal. O projeto que envolve várias atividades, desde a leitura até atividades lúdicas, está sendo realizado nas dependências da sede da Secretaria Municipal de Cultura.

A Contação de histórias instiga a imaginação, a criatividade, a oralidade, incentiva o gosto pela leitura, contribui na formação da personalidade da criança, envolvendo o social e o afetivo. O ato de contar histórias deve aguçar todos os sentidos, tocando o coração e enriquecendo a leitura de mundo na trajetória de cada um.

“Contar histórias é saber criar um ambiente de encantamento, suspense, surpresa e emoção, no qual o enredo e os personagens ganham vida, transformando tanto o narrador como o ouvinte”, Mirian Souza Cruz.

Na formação de uma criança, ouvir histórias é o início da aprendizagem para ser um leitor, e ser leitor é ter um caminho infinito de descobertas e compreensão do mundo. O contador trabalha a linguagem oral abrindo caminhos para que possamos aprender a falar, escrever, ler e pensar melhor.

O principal objetivo da atividade é favorecer o contato das crianças com os livros, despertando o interesse pela prática literária e criar a cultura da leitura, antes mesmo da alfabetização.

Baixo Guandu é o primeiro município do Estado a receber o Projeto “Futebol de Rua pela Educação”

A Secretaria Municipal de Educação de Baixo Guandu deu início na manhã desta quinta-feira (28), ao Projeto Social “Futebol de Rua pela Educação” na escola municipal “Benevenuto Clementino Gobbo”, no bairro São José. A cerimônia de inauguração contou com a presença do prefeito municipal Lastênio Cardoso, da Secretária de Educação, Kelly Christina Damasceno Gama, do Secretário de Esportes e Lazer, Leandro Rodrigues Montibeller, do coordenador do Instituto Futebol de Rua, Eber Cristian e de representantes da EDP.

Baixo Guandu foi o primeiro município do Espírito Santo a receber o projeto que atenderá 20 crianças, de 7 a 13 anos, nos períodos da manhã e tarde. As atividades seguem a metodologia exclusiva do instituto, que contempla práticas esportivas e pedagógicas, atividades lúdicas e culturais para a formação de valores e o desenvolvimento humano. 

A secretária municipal da Educação, Kelly Christina Damasceno Gama, destacou a importância das atividades esportivas como complemento à educação. “O esporte é transformador, uma vez que desperta em nossos estudantes a determinação, foco, trabalho em equipe e disciplina, incentivando-os a ter bons resultados”.

O coordenador do Instituto, Eber Cristian, afirma que a ideia vai muito além do acesso ao esporte. “Para além do acesso, o Projeto constrói junto às crianças e adolescentes o seu desenvolvimento integral, afetivo, emocional e cultural, o que entendemos como fundamental no processo de desenvolvimento humano”, explica.

Dentro do projeto serão abordados 16 eixos temáticos: cultura da paz, enfrentamento ao racismo, gênero, sexualidade, saúde, meio ambiente, mundo do trabalho, comunicação, cultura, educação socioemocional, ecocidadania, educação financeira, educação para o trânsito, direitos humanos, comunicação não violenta e tecnologia.

O Projeto Futebol de Rua pela Educação

Com o conceito criado em 2006, o projeto tem como base duas regras – o fair play, onde é proibido cometer falta; e o drible, em que manobras com a bola valem mais pontos que o gol. Além de uma escolinha de rua que busca diminuir a evasão escolar e melhorar o desempenho dos alunos, a ação promove a integração entre escola e comunidade.

Voltado a crianças e adolescentes entre 7 e 17 anos, o projeto inclui atividades esportivas em escolas ou espaços públicos (duas vezes por semana ou aos sábados, no período de 2 horas) e acompanhamento pedagógico (com encontros de 1 hora, uma vez por semana).

Instituto Futebol de Rua

O Instituto Futebol de Rua é uma organização sem fins lucrativos com sede em Curitiba (PR) que, desde 2006, utiliza o esporte e a cultura como ferramentas para o desenvolvimento social, atuando em prol da inclusão esportiva, cultural e social de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social e também, em prol da formação profissional de jovens aprendizes.

Secretaria Saúde realiza campanha para atualização do Programa Bolsa Família e da Caderneta de Vacinação nas escolas municipais

As Secretarias Municipais de Saúde e Educação iniciaram uma grande campanha nesse mês de outubro para atualização do cadastro do Programa Bolsa Família e da Caderneta de Vacinação de todos os alunos da rede municipal de ensino, que inclui escolas e creches.

A ação promovida pelas secretarias irá realizar a atualização do cadastro dos estudantes beneficiados pelo Programa Bolsa Família, além da conferência da caderneta de vacina com a imunização dos estudantes ainda não vacinados. Simultaneamente, a Secretaria de Saúde está realizando também um inquérito com coleta de Swab de 30% dos alunos, para investigação do índice de contaminação pelo corona-vírus nas instituições municipais, devido ao retorno gradual das aulas presenciais.

De acordo com a Secretaria de Saúde, a ação tem por objetivo a atualização da caderneta de vacinação do maior número possível de crianças e adolescentes da rede municipal de ensino, uma vez que quanto maior a quantidade de pessoas imunizadas, menos a doença se propaga, possibilidade desta forma a erradicação da doença.

As vacinações são realizadas de acordo com o calendário do Programa Nacional de Imunizações (PNI), e todas as vacinas recomendadas no PNI estão disponíveis gratuitamente nos postos de saúde pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Essas vacinas oferecem proteção para diversas doenças como poliomielite, coqueluche, hepatites, tuberculose, pneumonia, meningite, febre amarela, sarampo, gripe, entre outras.

Mudas nativas são plantadas em escolas e creches municipais em comemoração ao Dia da Árvore

A prefeitura municipal de Baixo Guandu em comemoração ao Dia da Árvore, 21 de setembro, fez hoje o plantio de árvores em escolas e creches municipais. As árvores utilizadas na ação foram doadas pelo Instituto Terra.

O objetivo da ação foi conscientizar à população sobre a importância da preservação ambiental e da arborização do município. “A prefeitura tem como objetivo o aumento das áreas verdes do município por meio do plantio de mudas nativas, que agem como reguladores naturais da temperatura, proporcionando um clima agradável aos munícipes”, destacou o Secretário Municipal de Infraestrutura Rural e Meio Ambiente, Cleres de Martins Schwambach.

O objetivo da ação é comemorar e promover a importância da preservação das árvores e das florestas. A data, 21 de setembro, serve também para lembrar a proteção do meio ambiente com atitudes que trazem benefícios à natureza. O dia da árvore foi escolhido por estar próximo ao início da primavera, que começa no próximo dia 23 de setembro, quinta-feira.

“Melhorar as nossas escolas, além da infraestrutura inclui arborizar e conscientizar as nossas crianças desde cedo sobre a importância do meio ambiente.” Secretária Municipal de Educação, Kelly Christina Damasceno Gama.

Prefeitura abre inscrições para o concurso de frases sobre a coleta de resíduos sólidos

A Prefeitura Municipal de Baixo Guandu através das secretarias de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente e a Secretaria de Educação realizam o concurso “Coleta de lixo” que visa conscientizar a população sobre a correta destinação dos resíduos sólidos no município, bem como da mudança dos hábitos de consumo, demonstrando que além de reduzir, reciclar e reaproveitar é importante dar o correto descarte aos materiais.

O concurso tem como público alvo os munícipes de Baixo Guandu acima de 15 anos que podem concorrer inscrevendo uma frase temática no link disponibilizado no site da prefeitura do dia 30 de agosto ao dia 07 de setembro.

Para participar o candidato deve enviar uma frase, de autoria própria, para o link disponibilizado no site da prefeitura. As frases serão avaliadas por uma comissão julgadora formada pelas secretarias envolvidas no concurso para seleção de 10 frases que serão levadas a voto popular entre os dias 13 e 17 de setembro para definição dos 3 primeiros colocados, que receberão premiação conforme segue:

1.° Colocado – 01 Caixa de som Portátil JBL, e a vinculação da frase no caminhão da coleta residencial de resíduo sólido para circulação pública.

2.° – 01 Vale compras no valor de R$ 100,00.

3.° – 01 Vale compras no valor de R$ 50,00.

Para fazer sua inscrição, CLIQUE AQUI!

Secretaria de Educação promove capacitação de servidores para implantação de sistema online

“A Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Educação, realizou nos dias 09, 10 e 11 junho, o treinamento e capacitação para secretários escolares e equipe gestora das escolas e creches, para implantação do Sistema de Gestão Educacional Online, que irá substituir o sistema tradicional. 

De acordo com a secretaria, a implantação do novo sistema vai facilitar o gerenciamento da vida acadêmica dos estudantes, bem como a gestão e atualização do processo administrativo-pedagógico individual dos alunos, colocando em relação direta e permanente com diferentes áreas de atuação da Unidade Educativa, exigindo sua interação com todos os envolvidos, no trabalho escolar. 

“Investir nessa tecnologia é avançar na modernização facilitando a vida de todos os profissionais envolvidos, buscando ainda mais a melhoria na qualidade e organizações da educação”, prefeito Lastênio Cardoso.

Segundo a Secretária de Educação, Kelly Christina Damasceno Gama, a oferta está sendo direcionada para todas às instituições de nosso município, incluindo os distritos e as escolas multisseriadas do campo, onde contribuirá para alavancar ainda mais, o processo ensino-aprendizagem em nosso município.