Skip to content Skip to left sidebar Skip to footer

Fazenda Municipal expede na hora alvará de funcionamento para novas empresas

Antenada na necessidade de auxiliar de forma efetiva a retomada do crescimento econômico, a Prefeitura de Baixo Guandu já está expedindo, no ato do requerimento, o alvará de funcionamento de novas empresas no município.
 
Esta agilização no procedimento, que está sendo feita em parceria com o Sebrae, pretende fomentar a atividade comercial e industrial em Baixo Guandu, evitando um processo burocrático que só atrasa o início das atividades da empresa interessada em iniciar um tipo de negócio.
 
“O alvará de funcionamento agora é expedido de imediato, com prazo provisório de 30 dias, enquanto o interessado agiliza a documentação que torna a licença definitiva”, explicou esta semana o secretário de Administração e Finanças Adonias Menegídio. 
 
O secretário explicou que o prefeito Neto Barros determinou a agilização no processo de funcionamento das empresas, preocupado exatamente em fomentar a atividade empresarial. “A única restrição é para os casos de atividades que geram algum grau de risco, como por exemplo a comercialização de gás de cozinha, onde é necessário vistoria do Corpo de Bombeiros”, disse Adonias, acentuando que o alvará sai na hora para qualquer outro tipo de empreendimento.
 
Este processo de agilização acontece num momento importante para Baixo Guandu, que dentro de cerca de 60 dias terá em funcionamento a maior empresa empregadora do município. A indústria de confecção PW Brasil está em fase final de obras, com a expectativa de gerar 170 empregos diretos na cidade em curto espaço de tempo.
 
A PW Brasil é um marco no processo de desenvolvimento de Baixo Guandu, significando o embrião de um novo polo de confecções no Estado. A direção da empresa já manifestou a necessidade de trabalhar também com terceirização de serviços, o que sugere a abertura de pequenas empresas trabalhando em parceria no processo confeccionista.
 
A Prefeitura, dentro deste contexto, atua para facilitar a abertura de empresas, oferecendo agilidade para início de funcionamento com a expedição do alvará. A modernização no setor administrativo e fazendário alcança também empresas que já atuam na cidade, com expedição on line de certidões negativas, sem necessidade de requerer o documento na Prefeitura.
 

0 Comments

There are no comments yet

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.