Skip to content Skip to left sidebar Skip to footer

Protesto de Baixo Guandu chama atenção da Samarco

Atualizado às 18h
 
A manifestação promovida pela prefeitura de Baixo Guandu, interditando a linha férrea na noite de ontem (as máquinas que bloqueavam a passagem dos trens foram retiradas por volta das 23h30 por conta de uma decisão judicial) ao menos resultou em um encontro formal no gabinete municipal, com a presença do prefeito Neto Barros, secretários de governo, do tenente coronel Vassoler da Defesa Civil  Estadual, do diretor do SAAE, Luciano Magalhães e representantes das empresas Samarco e Vale, nas pessoas do diretor de  Projetos e Ecoeficiência, Maury de Souza Junior, diretor da Estrada de Ferro Vitória Minas, Carlos Quartieri e representantes da área de Relações Institucionais da companhia ferroviária: André Luiz Oliveira, Álvaro Albergaria e Jaime Henriques.
 
A reunião ocorreu por volta do meio-dia desta sexta-feira, e nela foram discutidas medidas que possam mitigar os danos ambientais, sanitários, sociais e econômicos que estão ocorrendo com a contaminação do rio Doce pela lama de rejeitos de mineração. Ao final do encontro entre o município de Baixo Guandu e representantes das empresas ficou a promessa da Samarco/Vale de prestar mais apoio e fornecer infraestrutura para que a prefeitura possa minimizar os impactos causados pelo rompimento das barragens da mineradora, ocorrido há uma semana.
 
Informações à Imprensa                                    

Assessoria de Comunicação PMBG
noticia@pmbg.es.gov.br

(27)  3732-8914

(27)  3732-1700

(27) 99299-1037

 

 

0 Comments

There are no comments yet

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish
Skip to content